15º Festival de Cinema Italiano no Brasil estreia em todo o país com programação conceituada e inédita

19/11/2020


Entre 24 de novembro a 8 de dezembro a 15ª edição do Festival de Cinema
Italiano no Brasil leva, pela primeira vez, toda a sua programação clássica e
contemporânea para todo o país através de tecnologia streaming. Os 24 filmes
divididos entre Retrospectiva das Estrelas e Mostra Cinema Contemporâneo
Italiano estarão acessíveis ao público em plataforma disponibilizada dentro do site
www.festivalcinemaitaliano.com em uma parceria com o prestigioso cinema paulistano
Cine Petra Belas Artes. Os ingressos têm valor fixo de R$ 9,90 e dão direito ilimitado
à toda a programação.

Maior Festival de Cinema Italiano da América do Sul, o evento reúne nomes afirmados
da cinematografia em sua Mostra Cinema Contemporâneo Italiano, como os
cineastas Francesco Bruni, Alessandro Genovesi e Giuliana Gamba. Quanto à
nova geração, traz diretores premiados na Semana da Crítica do Festival de Veneza:
Guido Lombardi (2011), Claudio Noce (2020) e Mauro Mancini (2020), além de
Giuseppe Pedersoli.

Filho do lendário Bud Spencer, Pedersoli apresentou este ano durante a 77ª Bienal de
Veneza, o documentário “A Verdade Sobre a Doce Vida”, em que revela detalhes,
até então desconhecidos, sobre a produção da obra-prima de Federico Fellini, A Doce
Vida. O documentário é uma das estreias desta 15ª edição.
Ter suas obras exibidas no 15º Festival de Cinema Italiano no Brasil é visto com
grande satisfação pelos grandes cineastas contemporâneos.
“É um grande prazer ter sido selecionado com ‘A Verdade Sobre a Doce Vida’ para o
Festival”, comenta Giuseppe Pedersoli.

Já Claudio Noce não esconde sua vontade em um dia, participar de modo presencial
do evento no Brasil. “Para mim é uma alegria imensa e uma grande honra poder
participar do Festival com o meu filme (Irmãos à Italiana). Seria magnífico poder estar
fisicamente com vocês! Vamos aguardar momentos melhores”, afirma o diretor,
referindo-se à pandemia.

Outro diretor que se sente lisonjeado é Mauro Mancini: “Muito obrigado, estou feliz e
honrado em participar com ‘Não Odeie’ no Festival de Cinema Italiano no Brasil.”
Destaque também para o ator e diretor Vincenzo Alfieri (‘Os Homens de Ouro) e
para os irmãos (italianíssimos) Orso e Peter Miyakawa (‘Vida Fácil’). Em frente às
câmaras, um dos grandes nomes do cinema contemporâneo na Itália, o premiado ator

Pierfrancesco Favino é o protagonista de dois filmes bem recebidos pela crítica:
Irmãos à Italiana (Padrenostro) e Hammamet.

Na programação clássica, a Retrospectiva das Estrelas apresenta 12 dos melhores
filmes de sempre, em homenagem a grandes diretores, atores e roteiristas, além das
cenas inesquecíveis e das trilhas sonoras emocionantes.

“Gaviões e Passarinhos”, do grande diretor Pier Paolo Pasolini com Totò como ator
principal, o belíssimo “O Carteiro e o Poeta”, de Michael Radfort com a interpretação
magnífica de Massimo Troisi no papel principal, “A Aventura”, do prestigiado
Michelangelo Antonioni, com a renomada atriz Monica Vitti, além de “A Grande
Beleza”, vencedor do Oscar 2014 de melhor filme estrangeiro, de Paolo Sorrentino,
são alguns dos destaques.

A expansão das mostras do 15º Festival a nível nacional é possível graças à união
das seis Câmaras Ítalo-Brasileiras de Comércio presentes no país.
No último dia 17 de novembro, o 15º Festival de Cinema Italiano realizou sua
tradicional Noite de Abertura no Estádio do Pacaembu, em São Paulo, reunindo o
público pela primeira vez em 2020, durante evento do gênero. Em formato drive-in, a
celebração proporcionou boas gargalhadas com a exibição do filme Odeio o Verão,
de Massimo Venier.

Serviço
15º Festival de Cinema Italiano no Brasil
Data: 24 de novembro a 8 de dezembro de 2020
Formato: Streaming com acesso através da plataforma www.festivalcinemaitaliano.com
Ingressos: R$ 9,90 com direito a toda a programação

Mostra Cinema Italiano Contemporâneo
Sinopses, trailers e fichas técnicas: www.festivalcinemaitaliano.com

Não Odeie, de Mauro Mancini
Vida Fácil, de Orso e Peter Miyakawa
Buraco Fatal, de Giuliana Gamba
Hammamet, de Gianni Amelio
Odeio o Verão, de Massimo Venier
O Que Será, de Francesco Bruni
O Ladrão de Dias, de Guido Lombardi
Pode Beijar o Noivo, de Alessandro Genovesi
5 É o Número Perfeito, de Igort
Irmãos à Italiana, de Claudio Noce
Os Homens de Ouro, de Vincenzo Alfieri
A Verdade Sobre a Doce Vida, de Giuseppe Pedersoli

Mostra Retrospectiva das Estrelas
Sinopses, trailers e fichas técnicas: www.festivalcinemaitaliano.com

Belos Sonhos, de Marco Bellocchio
Viva a Liberdade, de Roberto Andò
O Carteiro e o Poeta, de Michael Radford
A Grande Beleza, de Paolo Sorrentino
César Deve Morrer, de Paolo e Vittorio Taviani
Habemus Papam, de Nanni Moretti
Rocco e Seus Irmãos, de Lucchino Visconti
O Segredo do Bosque Velho, de Ermano Olmi
Morte em Veneza, de Lucchino Visconti
A Aventura, de Michelangelo Antonioni
Gaviões e Passarinhos, de Pier Paolo Pasolini
O Pequeno Diabo, de Roberto Benigni



Todas as Notícias