O passaporte italiano é o quarto mais poderoso do mundo: abre as portas de 155 países

16/11/2016


O passaporte italiano abre as portas de 155 países, é o quarto mais forte do mundo e tem o mesmo valor que o passaporte estadunidense.

Com isso no bolso, podemos visitar uma boa porção do planeta, mas também fazer viagens de trabalho, ou viajar em busca de um novo emprego. Muitas vezes pensamos que não temos a capacidade nem os instrumentos, para nos deslocar pelo mundo e buscar sucesso profissional. Bem, temos uma instrumento poderoso no bolso, basta saber explorá-lo.

O melhor passaporte do mundo é o alemão: para os cidadãos da Alemanha, sem qualquer necessidade de um visto, são abertas as portas de 158 países. Três a mais que os italianos. Quais? Mongólia, Ruanda, mas, especialmente, Índia: um país de 1,2 bilhões de pessoas que o primeiro-ministro Narendra Modi está reconduzindo a altos níveis de crescimento e que hoje está se abrindo de forma significativa para o investimento estrangeiro. Um destino emergente de primeiro importância, com um PIB que cresce mais do que o chinês, e para o qual seria bom que a Itália pudesse se livrar da obrigação de visto.

Em segundo lugar no mundo está o passaporte sueco, seguido pelos passaportes francês, inglês, suíço e finlandês. Estes últimos, todos com um país a mais que o passaporte italiano, 156 a 155. E mais uma vez é a porta para a Índia que faz a diferença.

O lanterninha é o Afeganistão: sem visto, ele permite atravessar as fronteiras de apenas 24 países.

Fonte: Il Sole 24 Ore



Todas as Notícias